Pensando } Poesias-crônicas-contos: a arte das letras. Leia e compartilhe suas prórpias obras. Entre em contato com a organização do site e publique um texto de sua autoria. Não esqueça de comentar no livro de visitas.
Home do Site
Pensando:  poesias, contos, cronicas, resenhas, artigos, etc...
Página de Contato do Site
 

 

nde T

 

 

Viage pelo mundo através do Satélite da Google

POESIA

 

 

 

      Teatro de Caneta e Papel – A Vida

 Cena 1 – Tentativa de reencontro:

      Os olhos fitam o papel, a caneta a postos à mão direita que carrega consigo, no pulso, o relógio, testemunha dos tempos passados. Os mesmos marcavam 10:37h pm. Era noite do dia vinte e quatro de janeiro de dois mil e seis.

 Cena 2 – O tremular das letras:

      A distancia severa do prazer da escrita havia levado a astúcia do desenhar das palavras, então, póstumo ao contato da esferográfica ao caderno, permaneceu um balangar de traços tortuosos que, embora enfeiassem o documento original, não retiravam a beleza da estória a ser contada. Após tantas noites sem o desabafo cotidiano, começava a humilde tentativa de pazes com a caneta e o papel e, novamente, se estava “escrevendo uma vida”.

 Cena 3 – Perseverança:

      E se começava o texto, o sono se embala, ajudado pela preocupação com a vida, somado à baixa luz proporcionada pelo lustre em cúpula de vidro esbranquiçado. Não é fácil iniciar. Como se inicia uma estória iniciada? Como contar um filme a partir de sua metade? Procede a anterior apesar de ser, a vida, uma única, longa e curta história de estórias.

 Cena final:

      Começa a história...


* Edson Borges (Junior) 24-01-06

Contatos: organizador do site

Since 2005 - GeoeducadorJr® - Todos os Direitos Reservados

 O Que você quer ler?

Artigos, Resenhas, Resumos, Pesquisas e demais textos científicos!!!

Poesias, Cronicas, Contos, Fábulas, Piadas e mais!!!